domingo, 17 de janeiro de 2021

Ao vivo: Anvisa decide sobre uso de vacinas para a Covid-19 no Brasil

 

sexta-feira, 15 de janeiro de 2021

Chefe da Secom desmonta “fake news” da Globo sobre o BB

Fabio Wajngarten negou que a Secom tenha confirmado pedido de demissão do presidente do BB feito por Jair Bolsonaro



Nesta quinta-feira (14), o secretário de Comunicação Social da Presidência da República, Fabio Wajngarten, utilizou suas redes sociais para rebater informações “inventadas” pela GloboNews e pelo portal G1, ambas da Globo, a respeito de uma demissão do presidente do Banco do Brasil, André Brandão. De acordo com ele, “é mentira” que a (Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República) Secom tenha divulgado qualquer informação nesse sentido.

Ele compartilhou uma imagem de reportagem publicada pelo G1 afirmando que a Secom havia dado a informação de que Bolsonaro pediu a demissão de Brandão ao ministro da Economia, Paulo Guedes. Wajngarten, no entanto, chamou a notícia de invenção.

– Um comentarista da GloboNews e o G1 inventaram que a Secretaria de Imprensa da Presidência da República divulgou que o presidente Bolsonaro demitiu o presidente do Banco do Brasil, André Brandão. É mentira – apontou.



Ele então desafiou o jornalista e o veículo a comprovarem a existência da informação.

– Desafio o colunista e o G1 a confirmarem a informação e a existência da nota da Secom. A produção de fake news é tão leviana que sequer a Secom foi consultada previamente – ressaltou.

 






(Foto: Reprodução)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





Primeira fase da vacinação vai imunizar 5 milhões contra a covid-19

Todos os municípios devem receber a vacina ao mesmo tempo.



Cinco milhões de brasileiros e brasileiras serão imunizados contra a covid-19 no primeiro momento da vacinação, e 40 milhões de pessoas devem receber o medicamento até o mês de abril. A informação foi passada pelo Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, a 130 prefeitos em uma reunião por videoconferência nesta quinta-feira (14).

O presidente da Frente Nacional dos Prefeitos, Jonas Donizette, que participou da reunião com o ministro da Saúde, disse que todos os municípios devem receber as doses das duas vacinas inicialmente disponíveis – Coronavac e AstraZeneca – ao mesmo tempo.

O presidente da entidade de prefeitos destacou que o inicio da vacinação depende da logística para a importação dos medicamentos da Índia e da liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o que está programado para ocorrer no próximo domingo. Nesta quinta-feira, o Ministério da Saúde informou que, por conta da logística internacional do trânsito aéreo, o voo que iria para a Índia buscar as doses da AstraZeneca atrasou, sendo adiada a partida para sexta-feira à noite.

Jonas Donizette ainda explicou qual será o critério inicial para distribuição das doses, segundo informou o ministério na reunião com os prefeitos.

O presidente da Frente Nacional dos Prefeitos disse que a distribuição será proporcional a cada população dos municípios, podendo ser um pouco maior para os locais com populações indígenas ou quilombolas, consideradas mais vulneráveis ao vírus. O ministro da Saúde ainda informou os prefeitos que a expectativa é vacinar 40 milhões de pessoas até abril, privilegiando também os profissionais da educação.






(Foto: Reuters)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





Rui Costa disponibiliza 30 leitos para o governo do Amazonas para pacientes com Covid-19



O governador Rui Costa (PT) ofertou ao governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) 30 leitos de UTI para pacientes com Covid. Segundo Rui, a oferta de "solidariedade" foi feita na tarde desta quinta-feira (14) após uma ligação entre os políticos.

"Responsabilidade e solidariedade são palavras de ordem para vencermos esta guerra que já vitimou mais de 200 mil brasileiros", disse Rui em postagem nas redes sociais.

O Amazonas vem passando por uma crise por conta da segunda onda do novo coronavírus e existem relatos até da falta de oxigênio nos hospitais. Na última terça (12), Manaus tinha taxa de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de 90% na rede pública e 93% da rede privada, mas 58 pacientes estavam na fila por um leito de UTI nos hospitais de referência, 36 na capital e outros 22 no interior do estado.

Também houve recorde de sepultamentos em Manaus nos primeiros dias do ano, com média diária de 111 enterros, bem acima das médias registradas nos meses de abril (93 por dia) e maio (76 por dia) do 2020. Nesta quarta-feira, foram 198 enterros.





(Foto: Reprodução / Gov.Ba)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





Pazuello: Seis aeronaves irão enviar oxigênio para o AM

Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello - Declaração foi dada durante transmissão ao vivo com o presidente Jair Bolsonaro



O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse em live com o presidente Jair Bolsonaro que irá colocar seis aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) para transportar oxigênio para o Amazonas. Como o Broadcast Político mostrou mais cedo, o governo brasileiro pediu ajuda aos Estados Unidos (EUA) para tentar socorrer a rede de saúde do Amazonas após o estoque de oxigênio acabar em vários hospitais da capital, Manaus, nesta quinta-feira (14).

A situação levou pacientes internados à morte por asfixia, segundo relatos de médicos.

– A procura por oxigênio na capital subiu seis vezes, então, já estamos ai em 75 mil metros cúbicos de demanda de ar na capital e 15 mil metros cúbicos no interior. Estamos já com a segunda aeronave entrando em circuito hoje, a C-130 Hércules, fazendo o deslocamento Guarulhos – Manaus e a partir de amanhã entram mais duas e chegaremos a seis aeronaves, totalizando ai algo em torno de 30 mil metros cúbicos por dia, a partir de Guarulhos. Nessa ponte aérea, existem também os deslocamentos terrestres – afirmou Pazuello.

Pazuello disse ainda que Manaus, capital do estado, não teve a “efetiva ação no tratamento precoce da Covid-19” e reconheceu que há um colapso no atendimento público da cidade e que apoia o estado.






(Foto:  Valter Campanato/Agência Brasil)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





Twitter e Facebook perdem US$ 51 bilhões em valor de mercado

Ações apresentaram queda depois que Donald Trump foi banido das redes - Presidente dos EUA, Donald Trump 



O Facebook e o Twitter perderam, juntos, 51 bilhões de dólares (R$ 265 bilhões) em valor de mercado desde que baniram o presidente Donald Trump. Nos EUA, vários investidores se desfizeram de ofertas de ações das duas empresas, segundo informou o site LifeNews.

O Yahoo! Notícias relatou que as ações do Twitter caíram mais de 10% na segunda-feira (11), após a decisão de banir Trump.

– Pouco depois da abertura do mercado na segunda-feira, as ações caíram até 12,3%, chegando a 45,17 dólares (R$ 233) por ação – reportou o site.

As ações caíram de 51,48 dólares (R$ 265) – valor de antes da proibição, para 47,22 dólares (R$ 244), como preço de abertura nesta quinta-feira (14).

Segundo relatou o Business Insider, o Facebook também está perdendo valor. A rede social viu 47,6 bilhões de dólares (R$ 247 bilhões) caírem em sua avaliação pública, enquanto a capitalização de mercado do Twitter caiu em 3,5 bilhões de dólares (R$ 18 bilhões).

O Facebook caiu 4% na segunda-feira (11) e outros 2,2% na terça-feira (12), com os acionistas se desfazendo das ações, provavelmente temendo que a proibição pudesse tirar os usuários da plataforma. Quando os mercados fecharam na terça-feira, a capitalização de mercado do Facebook estava 47,6 bilhões de dólares (R$ 247 bilhões) abaixo do nível da última sexta-feira (8).





(Foto: Erin Schaff | EFE)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





Primo da rainha Elizabeth II confessa violência sexual contra jovem



Na terça-feira (12), o conde Simon Bowes-Lyon, primo de terceiro grau da rainha Elizabeth II, se declarou culpado de violentar uma mulher, no Castelo de Glamis, na Escócia. Segundo informações da BBC, ele forçou a entrada num quarto onde a vítima estava dormindo durante um evento realizado no local.

O crime aconteceu no ano passado e segue sob investigação.

Simon, de 34 anos, agrediu repetidamente a jovem de 26 anos e tentou tirar sua camisola durante o ataque, que durou 20 minutos. Ele empurrou a vítima para a cama, a apalpou e tentou beijá-la.

A polícia foi acionada pela jovem na manhã seguinte ao ataque.

O conde escocês recebeu fiança e foi incluído no registro de criminosos sexuais. Fora do tribunal, ele disse que estava “muito envergonhado”.

Simon Bowes-Lyon Foto: Reprodução
Simon também falou que estava bêbado no dia do ataque.

– É evidente que tinha bebido em excesso na noite do incidente. Deveria ter sabido melhor. Reconheço, de qualquer forma, que o álcool não é desculpa para o meu comportamento. Achava que não era capaz de me comportar da maneira que agi, mas tive que enfrentar isso e assumir a responsabilidade. Minhas desculpas vão, acima de tudo, para a mulher em questão, mas também gostaria de pedir desculpas à família, amigos e colegas pelo sofrimento que lhes causei – declarou ele.

A sentença contra o primo da rainha foi adiada. Se condenado, o conde poderá pegar até cinco anos de cadeia.





(Foto: Reprodução)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Antes de deixar a Band, Paola fechou parceria com Felipe Neto

Chef argentina anunciou saída da emissora nesta quarta-feira - Paola Carosella



Em entrevista à revista Veja, Paola Carosella revelou que fechou uma parceria com o youtuber Felipe Neto, dono da empresa Play9. Por meio do acordo, Paola terá ajuda para reformular seu canal no YouTube.

– Eu já estava fazendo os vídeos do ‘Nossa Cozinha’, que são receitas caseiras, com ingredientes simples, que fazia da cozinha da minha casa mesmo ao lado do Jason. Mas eu fazia apenas um vídeo por semana. O Felipe disse que acreditava no potencial dos vídeos e que gostava do que eu estava fazendo, mas que eu precisava de algo mais profissional, e como sou perfeccionista em tudo o que eu faço, escutei ele. Sentamos para conversar e fechamos essa parceria – explicou Paola.

A chef argentina anunciou, nesta quarta-feira (13), sua saída da Band e do MasterChef Brasil.

De acordo com um comunicado da Band, Paola deseja sair porque planeja “focar suas atenções em seus negócios particulares, neste momento em fase de grande expansão”.





(Foto: Reprodução/Carlos Reinis/Band)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA





Processo Seletivo da Secretaria de Educação da Bahia oferta dez vagas



A Secretaria da Educação do Estado está com processo seletivo aberto para a contratação de dez profissionais nas áreas de Engenharia e Arquitetura, em Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). As inscrições estão abertas até 8 de fevereiro, no site de seleção da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), responsável pelo certame.

As vagas são para lotação nos municípios de Irecê, Juazeiro, Barreiras, Jequié e Salvador. De acordo com o edital, a contratação será pelo prazo de até 36 meses, com possibilidade de renovação por igual período, uma única vez.

São vagas para técnicos de nível superior com graduação em Engenharia Civil (7), Engenharia Elétrica (2) e em Arquitetura (1). O processo seletivo constará de análise de títulos (de caráter eliminatório e classificatório) e experiência profissional. Serão considerados como comprovantes válidos para análise os títulos referentes à participação do candidato em cursos de extensão, atualização, aperfeiçoamento e pós-graduação.

A remuneração é de R$1.183,10, acrescido de Gratificação da Função equivalente a R$ 1.546,68, perfazendo um total de R$ 2.729,78. Há ainda o acréscimo por dia útil trabalhado de auxílio refeição no valor de R$ 12,00 (doze reais) e de auxílio transporte. A jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Somente serão avaliados os títulos de pós-graduação (lato sensu e stricto sensu) ministrados por instituições reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC). O prazo de validade do processo seletivo será de um ano, a contar da data da publicação da homologação, podendo antes de esgotado este prazo ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração, por ato expresso do Secretário da Educação do Estado da Bahia.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 60 e o candidato, antes de efetuar o pagamento do valor de inscrição, deverá se certificar que preenche todos os requisitos exigidos para a participação no Processo Seletivo Simplificado, conforme estabelecidos no edital.




(Foto: Reprodução)

João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA






Fwd: Secretaria da Educação do Estado da Bahia reitera pedido ao MEC para adiamento das provas do ENEM



Nesta quarta-feira (13/01), a Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) reiterou, por meio de Ofício, encaminhado ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC), o pedido de adiamento da aplicação da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). 

Segundo o Ofício, assinado pelo secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, “a reiteração deste pedido se baseia no direito à vida, visto como paradigma técnico para as operações que envolvem escolas, governos, famílias e formação de pessoas. Por isso mesmo qualquer ato, evento ou episódio deve ser levado em conta esse direito essencial. ”

Ainda no documento, a SEC destaca que os protocolos enviados pelo INEP em Ofício, referente à primeira solicitação, “são necessárias, mas insuficientes para as especificidades do caso em tela: o deslocamento dos inscritos, de mais de 256 municípios, do total de 417 municípios da Bahia, para os 161 onde serão aplicadas as provas; o contato entre participantes nos minutos que antecedem o início das provas; as salas que terão um número de estudantes acima de manter a capacidade de manter o distanciamento necessário; associada ao receio de contaminação das diversas famílias  e estudantes”.



João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




Caminhoneiros convocam nova assembleia para se mobilizar por greve




Caminhoneiros autônomos de todo o País marcaram uma nova assembleia, sem ainda data definida, para tentar angariar apoio e definir as pautas de uma nova greve nacional que vem sendo articulada pela categoria para o dia 1º de fevereiro.

Na reunião online na noite desta quarta-feira, 13, com cerca de 50 lideranças dos caminhoneiros, foi discutida uma pauta que vai desde manifestações contra o projeto BR do Mar (que incentiva a navegação pela costa brasileira) ao piso mínimo do frete e reclamações contra a política de preços de combustíveis.

O Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas (CNTRC) manteve a convocação para a greve em 1º de fevereiro. O presidente da entidade, Plínio Dias, afirmou que a definição da pauta é importante para colocar na mesa e ser chamado para diálogo com os órgãos responsáveis. "Até agora não fomos recebidos pelo governo, por isso a paralisação", explicou ele aos demais motoristas.

"O que você está achando, meu irmão? O senhor tem condições de rodar com seu caminhão nesse País, com combustível caro, insumo caro, tudo aumenta, tudo sobre e o frete está uma desgraceira. Pessoal, 250 litros de diesel está quase R$ 1 mil. Não tem mais cabimento. De Curitiba para São Paulo sobra R$ 150 no final da viagem e está com o tanque seco, não sobra nada. Quem acha que a situação está ruim, pare dia 1º", convocou Dias num grupo de WhatsApp. "Tem pessoas aí que ficam atrás de lideranças que se dizem de caminhoneiros alegando que não precisa parar. Isso é uma afronta. Às vezes essas pessoas não tem problemas, não tem caminhão, não estão nem aí para a categoria que representam. Mas garanto que já estão aparecendo muitas pessoas para o dia 1º."

As últimas tentativas de greve da categoria não vingaram por rachas entre as diversas entidades representativas no País. O governo federal aposta justamente nessa divisão para tentar desmobilizar a greve.

Na Região Sul, caminhoneiros prometem em grupos de WhatsApp bloquear cidades e fábricas de alimentos, o que pode afetar o abastecimento de supermercados.

O interlocutor da categoria no governo tem sido o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas. O ministério questiona a representatividade da Associação Nacional do Transporte Autônomos do Brasil (ANTB), que mais cedo previu que a greve poderia ser maior que a realizada em 2018. "O Ministério da Infraestrutura (MInfra) esclarece que a Associação Nacional do Transporte Autônomos do Brasil (ANTB) não é entidade de classe representativa para falar em nome do setor do transporte rodoviário de cargas autônomo e que qualquer declaração feita em relação à categoria corresponde apenas à posição isolada de seus dirigentes", disse a pasta por meio de nota.

O ministério destacou a necessidade de entender o "caráter difuso e fragmentado de representatividade do setor". "Nenhuma associação isolada pode reivindicar para si falar em nome do transportador rodoviário de cargas autônomo, e incorrer neste tipo de conclusão compromete qualquer divulgação fidedigna dos fatos referentes à categoria", acrescenta.

O Ministério da Infraestrutura informou ainda, por meio de sua assessoria de comunicação, que há uma agenda permanente de diálogo com as principais entidades representativas da categoria por meio do Fórum do Transporte Rodoviário de Cargas (TRC), além de reuniões constantes com lideranças da categorias. "O restabelecimento do fórum, desde 2019, tem sido o principal canal interativo entre governo e setor e qualquer associação representativa que deseje contribuir para a formulação da política pública pode requerer a sua participação para discutir eventuais temas de interesse da categoria."




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




Caixa divulga calendário de pagamentos do saque-aniversário do FGTS




Já começou a ser liberado pela Caixa Econômica Federal o saque-aniversário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) de 2021 para os beneficiários nascidos em janeiro. Segundo o banco, mais de 9,7 milhões de trabalhadores optaram por essa modalidade e poderão sacar o dinheiro conforme o calendário de pagamentos. 

O período para retirada do benefício começa no primeiro dia útil do mês do aniversário do beneficiário e vai até o último dia útil do segundo mês subsequente. Por exemplo: se o trabalhador nasceu em 15 de janeiro, seu saque-aniversário estará disponível de 4 de janeiro a 31 de março.

Caso o beneficiário não saque o dinheiro até a data limite, ele volta automaticamente para sua conta no FGTS. 

Veja como fica o calendário de pagamentos em 2021: 

Nascidos em janeiro: de janeiro a 31 de março

 Nascidos em fevereiro: de fevereiro a 30 de abril

Nascidos em março: de março a 31 de maio.

Nascidos em abril: de abril a 30 de junho

Nascidos em maio: de maio a 30 de julho

Nascidos em junho: de junho a 31 de agosto

Nascidos em julho: de julho a 30 de setembro

Nascidos em agosto: de agosto a 29 de outubro

Nascidos em setembro: de setembro a 30 de novembro

Nascidos em outubro: de outubro a 31 de dezembro

Nascidos em novembro: de novembro de 2021 a 31 de janeiro de 2022.

Embora as datas estejam pré-estabelecidas, é importante que o trabalhador confira o regime de funcionamento das agências da Caixa no dia em que pretende sacar o dinheiro. Em 31 de dezembro, por exemplo, os bancos não abrem, e a retirada do benefício só estará disponível pelo aplicativo do FGTS. 




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




CoronaVac: Doria será chamado para explicar dados à Câmara

Convite de comissão também será feito ao diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas



Devido às inconsistências nos resultados de eficácia da CoronaVac, vacina produzida pelo Instituto Butatan contra a Covid-19, o governador de São Paulo, João Doria, será chamado para dar explicações à Câmara dos Deputados.

A Comissão Externa da Casa que acompanha ações de enfrentamento à pandemia irá convidar Doria e o diretor do Butantan, Dimas Covas, para apresentarem informações sobre a eficácia do imunizante.

Nesta terça-feira (12), o instituto informou que o índice geral de eficácia da CoronaVac ficou em 50,38%.

De acordo com a revista Veja, o convite a Doria e Dimas Covas deve ser realizado após o retorno do recesso parlamentar.




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




Valença: Prefeito Jairo sofre primeira derrota na Câmara Municipal




Na última terça-feira (12) aconteceu  a segunda sessão extraordinária da câmara de vereadores de Valença.

Durante a sessão foi votado o projeto de número 001/2021, que autoriza a celebração de convênios junto aos órgãos das esferas Federal, Estadual e Municipal, a fim de que a nova administração possa renovar alguns convênios e contratos em andamento.

O prefeito Jairo enviou o projeto solicitando autorização de 90 dias e os vereadores aprovaram por 8 x 7 duas emendas ao projeto, uma reduzindo o prazo da autorização para 30 dias e outra condicionando as assinaturas de convênios com a supervisão de uma comissão temática da câmara, segundo o blog do Pelegrini.
 
Os vereadores que votaram a favor das emendas foram: Reginaldo, Ryan, Lelo, Valdir, Cássio, Benvindo, Cristiano e Isaias.









João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




Confúcio entrega ao Planalto o relatório final da comissão mista da covid-19

O presidente da comissão mista da covid-19, senador Confúcio Moura, de máscara, esteve no Planalto junto com o deputado Francisco Junior para entregar a Bolsonaro o relatório aprovado pela comissão


Documento preparado pela comissão mista da covid-19 e entregue por Confúcio a Jair Bolsonaro contém seis linhas de ação essenciais e prioriza a vacinação contra o vírus



O senador Confúcio Moura (MDB-RO) entregou na tarde desta quarta-feira (13) ao presidente da República, Jair Bolsonaro, o relatório final da comissão mista que acompanhou as medidas de enfrentamento à pandemia de covid-19. O relatório foi aprovado em dezembro e contém recomendações em seis áreas essenciais: saúde, economia, educação, cidadania, sistema financeiro e crédito e fiscalização. 

O documento elege como prioridade o plano de vacinação contra a covid-19, e ressalta que essa medida deve ser baseada em critérios técnicos e não de cunho político.  

Vacinação
Em entrevista à Rádio Senado, Confúcio Moura, que presidiu a comissão mista, disse que a recuperação da economia depende inteiramente do desempenho da campanha de imunização. 

— A vacinação é a grande esperança. A população brasileira está confinada há muito tempo, isso vai causando um desgaste emocional muito grande e a imunização traz uma luz no fim do túnel. Não é só o objetivo da imunização das pessoas. O principal é evitar mortes, mas, por outro lado, ele tem o papel no desenvolvimento econômico. A vacinação em massa induz a um crescimento econômico e gera confiança no mercado. Tudo consequentemente vai melhorando — afirmou o senador.  

O senador disse que Bolsonaro se mostrou receptivo às sugestões encaminhadas e à criação de um grupo composto por membros do governo, do Senado e da Câmara dos Deputados para discutir e acompanhar os gastos públicos no cenário pós-pandemia. Em relação ao tema, Confúcio Moura afirmou que uma das propostas é a reformulação do teto de gastos, dispensado durante o período de calamidade. 

UTIs
Além do foco na vacinação, uma das recomendações do relatório final da comissão mista da covid é a sugestão da ampliação da transparência quanto à divulgação das taxas de ocupação de leitos públicos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) em âmbito nacional.  

No setor econômico, o documento recomenda a ampliação dos agentes concedentes de crédito, incentivando a participação das organizações da sociedade civil de interesse público (Oscips) de microcrédito e das sociedades e cooperativas de crédito. Além disso, indica a manutenção do apoio ao sistema financeiro, como fundos garantidores de empréstimos e revisão de renúncias fiscais. 

Recursos federais
Há ainda a indicação, no documento, para que o Congresso Nacional aprove um projeto de lei que tem como objetivo dar maior transparência aos repasses federais aos estados, Distrito Federal e municípios (PL 4.171/2020), que tem entre seus autores o deputado Francisco Junior (PSD-GO), que redigiu o relatório final da comissão. O projeto aguarda votação na Câmara dos Deputados. 

O relatório também sugere a aprovação de outros três projetos: o PLP 213/2020, da senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), que estabelece a Renda Básica da Primeira Infância para crianças de zero a seis anos de idade; o PL 3.175/2020, da deputada Patrícia Ferraz (Podemos-AP), que institui aumento de pena para crimes de falsidade ideológica quando cometido para fraudar programas sociais, como o auxílio emergencial; e o PL 1.940/2020, do deputado Felício Lacerda (PSL-RJ), que propõe a realização de testes rápidos em farmácias. 

Estado de calamidade
Na reunião que aprovou o relatório, em dezembro, Francisco Junior havia destacado que as atividades da comissão poderiam ser retomadas em 2021, havendo prorrogação do estado de calamidade pública.  Vários senadores já se manifestaram favoravelmente à prorrogação da vigência do estado de calamidade.

A comissão mista foi instalada em 20 de abril de 2020 e foi a única a funcionar no Congresso Nacional durante o período de emergência pública instaurado devido à pandemia da covid-19. O colegiado contou com seis deputados e seis senadores, sendo o mesmo número de suplentes. O grupo realizou, até início de dezembro, 40 audiências públicas que discutiram temas como o auxílio emergencial, vacinas, medidas de proteção aos povos indígenas, educação durante o período de pandemia e crédito para micro e pequenas empresas.

Ana Luísa Santos com supervisão de Patrícia Oliveira






João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução/Isac Nóbrega/PR)




Novo diretor de Esportes quer desengavetar 'Bolsa Atleta' não sancionado por ACM Neto




Novo diretor-geral de Esportes de Salvador, num cargo lotado Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), o ex-vereador Felipe Lucas (MDB) pretende tirar do papel o projeto do Bolsa Atleta Municipal, aprovado pela Câmara ainda em 19 de setembro de 2017, mas que nunca foi sancionado pelo ex-prefeito ACM Neto (DEM).

“A proposta deste projeto é, de alguma forma, viabilizar um recurso para esses jovens, garotos e garotas que, hoje, muitas vezes acabam desistindo do seu sonho e do talento por falta de apoio e do mínimo necessário de recurso para uniforme, transporte, uma boa alimentação, participar de um bom campeonato...”, explica Felipe Lucas, em entrevista ao Bahia Notícias.

De acordo com o titular da diretoria esportiva, a pandemia da Covid-19 atrapalhou os planejamento de viabilizar o plano. Ele afirmou que, mesmo sem sancionar o texto, Neto deliberou para que a prefeitura fizesse os estudos de viabilidade econômica do projeto. A ideia é conseguir que a bolsa saia do papel ainda neste ano. 

“Com essa coincidência de eu acabar entrando na diretoria-geral de Esportes, acho que é um momento bom para tentar viabilizar a realização do projeto. Eu tenho uma certa convicção de eu vai ajudar e muito este segmento da sociedade”, projeta.


Ainda segundo o dirigente, “agora é fazer todo o trabalho de bastidores, de viabilidade econômica e técnica para que, em algum momento, o prefeito Bruno Reis (DEM) sancione.”

O PROJETO
De acordo com o programa, terão direito à bolsa os atletas dos seguintes esportes: artes marciais, stand up paddle, canoagem, vela, natação, corrida e bicicross. O benefício só poderá ser fornecido ao esportista por, no máximo, 24 meses.

Em relação às obrigações para inscrição, cada atleta deve estar vinculado a alguma entidade de prática desportiva ou entidade de administração desportiva da respectiva modalidade. Além disso, é necessário ter participado de competições esportivas oficiais em âmbitos municipal, estadual, nacional ou internacional, no ano imediatamente anterior àquela em que tiver sido pleiteada a concessão da do auxílio.

Os valores a serem recebidos não estão previstos no projeto porque, segundo Felipe Lucas, isto ficará a cargo da prefeitura. A remuneração, contudo, seguirá critérios estabelecidos pelos municípios, considerando histórico do atleta, modalidade, conquistas históricas, competições, medalhas, troféus, categoria na qual se encontra inscrito e a importância do atleta e da modalidade na programação da secretaria. 

Caso saia do papel, o benefício será mais um à disposição dos atletas no estado. Atualmente, à nível baiano, existe o programa Faz Atleta. Já à nível federal, há o Bolsa Atleta.




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Bruno Concha / Secom)




Vitória fica duas vezes atrás do placar, mas empata com o Avaí na Ressacada




O Vitória empatou em 2 a 2 com o Avaí, nesta quarta-feira (13), na Ressacada, em Florianópolis, pela 34ª rodada da Série B. O time rubro-negro ficou atrás do placar em duas oportunidades, mas conseguiu a igualdade. Os gols do Leão foram marcados por Fernando Neto e Léo Ceará.

Com o resultado, o Vitória chegou aos 38 pontos, mas segue na 16ª posição.

O time comandado pelo técnico Rodrigo Chagas volta a campo no domingo (17) para enfrentar a Chapecoense, às 16h, no Barradão.

O JOGO

O Avaí iniciou dando sufoco no Vitória. Em 12 minutos, o time catarinense deu quatro chutes a gol. O rubro-negro baiano tinha dificuldades para criar jogadas.

Na quinta finalização do Avaí, a bola entrou. Aos 13, Edílson cobrou escanteio na primeira trave, Rômulo desviou de cabeça e a bola sobrou para Valdívia, que estava totalmente livre de marcação. Ele arrematou de primeira e mandou no fundo da rede.

O primeiro tempo foi de amplo domínio do Avaí. O Vitória pecou bastante nos passes e não apresentou poder de criação.

Segundo tempo

O técnico Rodrigo Chagas fez uma alteração na etapa final. Ele sacou Gerson Magrão e colocou Caíque Souza em campo.

Logo no primeiro minuto, o Vitória empatou. Vico conseguiu entrar no meio da defesa do Avaí, e descolou um excelente para Fernando, que arrematou com categoria e saiu para celebrar o gol.

Aos 32, o Avaí desempatou. Valdívia armou contra-ataque, carregou a bola da entrada da área e finalizou. O goleiro César espalmou, Jonathan ficou com a sobra e empurrou para o fundo do gol.

Porém, o Vitória não desistiu. E já aos 45 minutos, Alisson Farias fez um belo cruzamento para Léo Ceará, que testou firme para o fundo da rede.

FICHA TÉCNICA
Avaí 2 x 2 Vitória
Série B – 34ª rodada
Local: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 13/01/2021 (quarta-feira)
Horário: 19h
Árbitro:  Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes:   Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ) e Rafael Sepeda de Souza (RJ)
Cartões amarelos: Alemão (Avaí); Caíque Souza, Rafael Carioca e Matheus Frizzo (Vitória)
Gols: Valdívia e Jonathan (Avaí); Fernando Neto e Léo Ceará (Vitória)

Avaí: Glédson; Edílson, Alemão (Renato), Betão, Alan Costa e João Lucas; Ralf, Pedro Castro (Rafael Pereira) e Valdívia (Leandrinho); Romulo (Vinicius Leite) e Ronaldo (Jonathan). Técnico: Claudinei Oliveira.

Vitória: César; Van, Wallace, João Victor e Rafael Carioca (Leocovick); Matheus Frizzo (Lucas Cândido), Gerson Magrão (Caíque Souza) (Samuel) e Fernando Neto; Thiago Lopes, Vico (Alisson Farias) e Léo Ceará. Técnico: Rodrigo Chagas.




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: R.Pierre/Agif/Folhapress)




quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

Vídeo: Vereador quase é atingido por um raio e registra ocorrido

José Omar, de Minduri (MG), filmava a paisagem quando uma descarga elétrica caiu em sua direção - Imagens viralizaram nas redes sociais



Um vereador do Sul de Minas escapou por pouco da morte, ao quase ser atingido por um raio no último domingo (10). José Omar, de Minduri (MG), estava filmando a paisagem rural do município quando uma descarga elétrica caiu entre ele e uma cerca metálica. As imagens do acontecimento viralizaram nas redes sociais.

– O raio caiu no chão. Voou terra e pedaços de madeira, mas não fui atingido. Só [me] senti agradecido a Deus por ter salvado a minha vida – declarou em entrevista ao R7.

José, que também é produtor rural, relata que havia acabado de participar de um programa de rádio na região. Ao sair do estúdio, encantou-se pelo céu, que se mostrava chuvoso de um lado e azul do outro. Resolveu, então, registrar o momento no celular.

O vídeo, no entanto, é interrompido por um estouro, seguido de um clarão. José descreve o momento como “aterrorizante”. Mas, apesar do susto, ele não se feriu. Ele celebra a vida e a considera um “milagre”.

– Não morri porque não era a minha hora – disse ao portal Bhaz.

O vereador só percebeu que o acontecimento havia sido gravado quando se abrigou dentro do carro, com o amigo.

– Depois que a adrenalina abaixou, perguntei se o celular havia explodido e vi o vídeo com o momento – conta.

COMO SE PROTEGER
Especialistas apontam que raios podem provocar a morte, se caírem diretamente na vítima ou se a corrente passar pelo seu corpo. Em geral, as pessoas só são atingidas quando são um ponto de destaque em uma área aberta, ou quando estão próximas de outros pontos proeminentes, como árvores e postes.

O melhor a se fazer em caso de tempestade é evitar vastas áreas abertas, como campos ou praias, não se abrigar em pequenas construções não protegidas e manter-se longe de materiais metálicos ou de estruturas altas. Caso o temporal já tenha começado, é recomendado manter-se abaixado até que os raios cessem.



João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




Ministério da Saúde pretende iniciar vacinação no dia 19 de janeiro, diz jornal




O ministro do Ministério da Saúde, Eduardo Pazuello, pretende dar início à vacinação contra a Covid-19 no Brasil na próxima terça-feira (19). De acordo com o jornal Estado de S. Paulo, um evento no Palácio do Planalto vai marcar a abertura da campanha de slogan "Brasil imunizado, somos uma só nação". A cerimônia ainda não foi confirmada, e está sendo discutida pela pasta.

O plano, ainda segundo o Estadão, é aplicar o imunizante em uma pessoa idosa e em um profissional de saúde durante o evento.

Além disso, por motivos políticos, o evento também pretende impedir que o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), protagonize a primeira foto de alguém sendo vacinado no País, já que o estado pretende iniciar a imunização no dia 25 de janeiro. 




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)




Nelson Leal recebe Comissão de Metalúrgicos e defende solução rápida para os milhares de trabalhadores desempregados na Ford

'Resposta só virá com novo investimento', defende presidente da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (Alba)


O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, deputado Nelson Leal, recebeu hoje (13.01) dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos da Bahia, entre eles o presidente Júlio Bomfim, e comissão de operários da Ford para discutir o fechamento das fábricas da companhia, principalmente o da planta de Camaçari, na Bahia. Acompanhado dos deputados estaduais Rosemberg Pinto (PT), Vítor Bomfim (PL), Olívia Santana (PCdoB), Hilton Coelho (PSOL), Jurailton Santos (Republicanos), José de Arimateia (Republicanos), Junior Muniz (PP), Zó (PCdoB), e do deputado federal Sargento Isidório (Avante), o chefe do Legislativo estadual disse que a notícia do fechamento da Ford é um “desastre sem proporções ainda não dimensionadas”.  

“A resposta para essa tragédia econômica e social só pode ser dada com a atração de um grande investimento, de uma nova montadora, para ocupar a lacuna deixada pela Ford. São 12 mil empregos diretos perdidos, fora os mais de 50 mil gerados indiretamente, injetando cerca de R$ 500 milhões/mês na nossa economia, segundo nos informou o Sindicato dos Metalúrgicos. A questão financeira pode até ser equacionada, mas a perda de empregos é um desastre ainda sem proporções dimensionadas. O governador Rui Costa e o secretário do Desenvolvimento, João Leão, já caíram em campo para buscar uma nova indústria, principalmente na China. Esta é a nossa grande aposta e, também, a nossa esperança”, diz o presidente da ALBA, sinalizando que uma frente parlamentar será criada para tratar do tema.




João Oliveira, Wenceslau Guimarães - BAHIA

(Foto: Reprodução)